Inadimplência: evite suspensão do fornecimento de energia por falta de pagamento

Cemig orienta consumidores a procurarem a empresa para negociar débitos

A falta de pagamento da conta de luz pode implicar na suspensão do fornecimento de energia. Buscando evitar esse transtorno para os clientes, a Cemig orienta sobre as condições em que a interrupção pode acontecer e, caso ocorra, como proceder para o restabelecimento do serviço. A companhia também oferece negociação aos consumidores que se encontram em situação de inadimplência e realiza campanhas de negociação de débitos com condições e facilidades diferenciadas.

Antes do corte, a Cemig entra em contato com o cliente por meio de diversas formas de comunicação, visando evitar que o fornecimento de energia seja interrompido. Os clientes são alertados sobre o atraso nas faturas via e-mail, SMS, cartas e contato telefônico. A informação também vem em destaque na fatura, no campo “reaviso de contas vencidas/débitos anteriores”. Ao receber a conta, o cliente deve verificar esse campo, que é destacado em amarelo no formulário, para identificar possíveis notificações de débitos pendentes. Observar essa informação na conta de luz pode evitar suspensão do fornecimento de energia e custos adicionais com a religação.

 

Para garantir o recebimento desses comunicados, é fundamental que o cliente mantenha seu cadastro e contatos atualizados junto à empresa. “Por isso, recomendamos aos nossos clientes que cadastrem seu e-mail ou telefone para receber mensagens sobre inadimplência, por meio dos canais digitais, como o aplicativo Cemig Atende e o site www.cemig.com.br, ou em uma agência ou posto de atendimento Cemig Fácil”, informa Wellington Cancian, gerente de Arrecadação e Adimplência da Cemig.

 

Fornecimento de energia suspenso
Caso a conta não seja quitada até 15 dias após a notificação, a unidade consumidora passa à condição de corte e pode ter o fornecimento de energia suspenso a qualquer momento.

“O pagamento da conta de energia, mesmo que realizado após seu vencimento, evita a suspensão do fornecimento. É importante ressaltar que o agendamento bancário não caracteriza a efetividade do pagamento e, portanto, não é comprovante”, explica Cancian.

Facilidades de negociação e pagamentos
Uma opção que pode evitar a situação de inadimplência é a adesão ao débito automático em conta da fatura. O cliente pode realizar o cadastro para débito em seu banco de preferência, utilizando o código disponível na própria fatura. O procedimento é simples e precisa ser realizado uma única vez. Clientes dos bancos Santander e Itaú podem realizar o cadastro diretamente nos canais de atendimento Cemig.

Para ter o serviço de volta após quitar os débitos existentes, basta o consumidor entrar em contato com a Cemig para informar a quitação da dívida e solicitar a religação da energia. Caso queira negociar o débito, o cliente deve se dirigir a uma agência ou posto de atendimento Cemig Fácil. Feita a negociação da dívida à vista ou pagamento da entrada, em caso de parcelamento, a energia pode ser religada.

A perda ou extravio da conta é uma causa recorrente para a não quitação das contas de energia. Para reduzir esse risco, a Cemig disponibiliza, ainda, o envio da conta por e-mail. A adesão é fácil e gratuita, basta que o cliente comunique à empresa essa opção.

Pin It